terça-feira, 13 de abril de 2010

Será que Sartre faz o mesmo sucesso com jovens de 2010?

Estou lendo A Idade da Razão, primeiro livro da trilogia romanceada de Sartre. Um belíssimo livro, onde vemos toda sua teoria do existencialismo aplicada na história de um simples rapaz.

E hoje recebi este artigo questionando justamente a popularidade atual do filósofo. Esperarei chegar à última página para poder pensar a respeito.

Beijos.

================
Será que Sartre faz o mesmo sucesso com jovens de 2010?

Em seu artigo para o jornal O Estado de S. Paulo, Gilles Lapouge fala sobre o filósofo francês
Língua e Literatura

O Estado de S. Paulo - 11/04/2010 - Gilles Lapouge

Já faz 30 anos que ele nos deixou, o homenzinho extenuado que se via caminhar penosamente, ao anoitecer e à noite mesmo, pelas ruas de Montparnasse, desajeitado, debilitado, cego e agarrado ao braço de uma jovem devotada à sua fraqueza. "Está vendo", dizia ele sorrindo para sua companheira, Simone de Beauvoir, "é um espanto como eu faço sucesso com as senhoritas desde que fiquei velho e cego." Será que ele faz o mesmo sucesso com jovens de 2010? Será que ainda o conhecem? Leem seus livros? Procuram uma bússola em sua obra? Durante a Guerra da Argélia, oficiais pediram a De Gaulle, então chefe de Estado, para perseguir Jean-Paul Sartre (1905-1980), que havia convocado os jovens à "insubmissão". Resposta do general De Gaulle: "Não se prende Voltaire!" Passaram-se alguns anos e Sartre ganhou o Prêmio Nobel de Literatura (1964).
Postar um comentário